terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Frutos



Viver e trabalhar,
trabalhar e viver.
Mas, entre meios
amar.
Pois que, sem imprimir amor
nada do que plantamos pelo caminho
haverá de brotar.
E não existe algo mais triste
do que um caminhar por solos áridos.
Sem frutos à distribuir no final.

Um comentário:

Curiosa disse...

bela reflexão ...
beijo, querido ...