sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Desabafo de Poeta

Ainda há pessoas que sofrem por amor,
que choram por paixão,
que se inquietam e põe-se a parir
lágrimas de sofrimento.

E é triste e belo este sentimento.
Triste pois, que ninguém deveria
sofrer por outrem;
Belo, por que descobri que as
pessoas ainda dão-se o direito de
amar.

Hoje eu vi alguém chorar por um amor
duvidoso e incerto,
daqueles que talvez sequer germinem.
Mas o mais importante de tudo isso
é que eu descobri que a humanidade
tem cura sim!

2 comentários:

Escrava do teu amor... disse...

Lindo teu desabafo querido...Os dois extremos: tanto fere,quanto cura... Ah, o amor...

Serpente Angel disse...

Sim, a humanidade tem cura...